PRANAIAMA REDENTOR- ENSINAMENTO DO MEU QUERIDO AMIGO SIRIO SILVA

O PRANAIAMA REDENTOR,

É a disciplina responsável pela nossa divinização. Respiremos três vezes,
focalizando a luz nos nossos órgãos sexuais.
Mudemos o foco da luz para os órgãos da digestão, junto ao plexo solar,
e respiremos três vezes. Mudemos o foco de luz para o coração, e respiremos
três vezes. Mudemos o foco de luz para a garganta, e respiremos três vezes
para iluminar as cordas vocais. Mudemos o foco de luz para o córtex cerebral,
e respiremos três vezes para iluminá-lo. Mudemos o foco de luz para a glândula
pineal, no centro da cabeça, e respiremos seis vezes. Em cada respiração,
repitamos em silêncio
o mantram redentor:

 EU SOU 0 CAMINHO, A VERDADE E A VIDA!

Se estiver sozinho, repetir em voz alta o mantram, três vezes. Se em grupo,
peça um para repetir audivelmente
as três vezes, e na última todos repitam juntos. Façamos agora uma respiração
profunda e calma para abençoar todas as células.   Mais de cem trilhões
de células convivem e trabalham no nosso corpo, em sistema de cooperativismo
e cosmocracia. Cada uma delas é um ser vivo, consciente
e inteligente. Elas detêm a sabedoria e a memória de toda a evolução. Toda
a sabedoria latente, potencial, ainda não atualizada pela Vida, já está
nelas à espera de condições para manifestar-se. Elas se alegram quando
nos dirigimos conscientemente a elas pela respiração e oração. A alegria
delas é a nossa saúde, é a homeostase, que cura qualquer doença, vício ou
fraqueza. A glândula
pineal funciona como antena parabólica de altas freqüências, que nos permite
sintonia com a inteligência da Vida da Galáxia. A cadeia formada pelo Eu
de cada
quark, lépton, fóton, elétron, próton, nêutron, átomo, molécula, célula,
órgão, o corpo, o planeta, o sistema solar, a galáxia, a nebulosa e o universo,
é isto que
se chama

 EU SOU,

a integração na unidade do Universo.
Focalizemos a consciência no centro do peito, lado direito do coração. Pratiquemos
durante dois minutos respirações lentas, calmas, profundas. Respiração sacerdotal.
Na inspiração, sentir que recebemos a energia do universo macrocósmico,
e, na expiração, que entregamos a energia às células do nosso corpo para
transmitir-lhe consciência de unidade do universo. Como os neurônios do
nosso cérebro também são células, eles aprendem e passam a governar nossas
atividades, em termos de unidade.
Já não aceitamos mais a dualidade. A unidade nos põe a serviço da Vida.
Não mais erraremos. As virtudes passam a ser totalmente naturais e não sacrificiais.
Esses momentos são muito sagrados e solenes. Estamos  sintonizados com a
força
criadora do Universo. Formemos agora a imagem das pessoas que mais amamos
nesta vida, vendo-as sadias, alegres, dinâmicas, felizes e livres. Esta
imagem torna-se
arquétipo e será incorporada pelas pessoas focalizadas. É a única magia
que nos é lícito praticar.
Respiremos fundo para abençoar todas as células do nosso corpo. Relaxemos
músculos e nervos, agucemos a sensibilidade para sentir as pulsações do
nosso próprio
coração. O EU SOU atua em nós, para transformar-nos, pela evolução, naquilo
que devemos ser. A nossa evolução física já está completa, a fisiológica
está ainda em
aperfeiçoamento, mas a psíquica está apenas começando. Nas pausas entre
a sístole e a diástole do coração, recebemos impulso de fixação evolutiva.
Nossa atenção consciente nas pausas da pulsação aumenta o  proveitamento
de cada instante de vida.
Respiremos fundo para abençoar as células do nosso coração, que são especializadas
em pulsar para bombear o sangue através das artérias e veias de todo o nosso
corpo. Pulsam em nós desde nossa concepção no útero da mãe até a nossa morte.
Trabalham sem parar. Se param por um minuto, já corremos o risco de colapso
fatal.
Neste ponto, lembremo-nos da montanha. Ela vem dentro de nós, e nos sentimos
nela. Lembramos dos companheiros de viagem. Eles estão conosco. Formamos
um círculo,
pela consciência. De pé, damo-nos as mãos, focalizamos o nosso coração e
o iluminamos.
Deixamos uma corrente de amor fluir pela nossa mão direita para o companheiro
da direita, e recebemos pela mão esquerda a corrente de amor enviada pelos
companheiros da esquerda. Respiramos fundo. Projetamos a energia agora sobre
o topo da montanha. Estas energias sobem pelos espaços, curvam-se e caem
sobre a superfície do mundo. Falemos:

 "Poderosa presença, EU SOU! Mestres da Fraternidade Branca consintam na
nossa integração." Respiremos fundo,
soltemos as mãos. Giramos o corpo pela direita, até ficarmos de costas para
o topo da montanha. Juntemos
as mãos na frente do rosto, e curvemo-nos para abençoar esta região, e nesta
direção toda a faixa a nossa frente, minerais, plantas e animais, vales,
montanhas,
rios, mares e oceanos, até o outro pó1o do Planeta. Erguemo-nos e continuamos
a girar pela direita, de a posição primitiva. Focalizemos o coração e o
iluminamos. Respiremos fundo e demo-nos as mãos novamente. Oremos:
 "Eu Sou um filho da Luz. Eu sirvo à Luz. Eu amo a Luz. Eu vivo na Luz.
Eu sou protegido, iluminado,
suprido e sustentado pela Luz. Eu abençôo a Luz, e em função da Luz eu abençôo
a todos os seres do Universo." De mãos dadas. "Sabedoria divina, reflete-te
continuamente em nós!" repitamos três vezes. "QUE VIVAM EM PAZ TODOS OS
SERES! Que todos os seres sejam felizes! E sejam abençoados todos os seres!"
Soltemos as mãos.
Tomemos consciência de estarmos sentados. Orar individualmente em silêncio,
ou em voz alta, se o desejar.
Respiremos fundo para abençoar todas as cé1ulas do nosso corpo, e movimentemos
lentamente as mãos, os pés, abramos lentamente os olhos, e suavemente retomaremos
a atividade normal, levando reminiscência desse estado de céu – que
significa SER!

Resende, 27 de setembro de 1996


 Suâmi Sírio Silva

Esta pessoa é meu amigo mais querido, meu Amor incondicional, serei eternamente
grato a ele e a VIDA…Primeiro a VIDA Por tê-lo colocado em meu caminho.
AMO- o INTENSAMENTE COM TODAS AS FORÇAS DO MEU CORAÇÃO.Aprendi a praticar
meditação através dele. Fran

Anúncios
Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s